26 de maio de 2020 - 02:58

Policial

21/03/2020 06:24

Cinco pessoas são presas e 300 porcões de entorpecentes apreendidas em bairro de VG

Mais de 300 porções de drogas foram apreendidas pela Polícia Civil, em Várzea  Grande, após investigação da Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE).

Além da quantidade de drogas, cinco pessoas, entre elas um adolescente, foram presas. Os envolvidos foram autuados em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas e corrupção de menores.

Os investigadores da DRE receberam denúncia sobre um local no bairro Mapim, onde estaria ocorrendo o comércio de substâncias  ilícitas de forma escancarada e com auxílio de menores de idade. Com base nas informações, os policiais civis foram na região mencionada e, após alguns dias de vigilância, foi constatado o tráfico.

Conforme apuração, com uma grande movimentação no período diurno e, principalmente, no período noturno,  os suspeitos ficavam em uma esquina, indo e voltando de um terreno baldio. A transação também era acobertada por uma residência e um bar próximo ao local.

Na tarde de quarta-feira, a equipe da DRE conseguiu abordar os cinco suspeitos e em buscas no terreno baldio foram localizados os entorpecentes embaladas prontos para a venda, além de uma balança de precisão, objetos utilizados para auxiliar na manipulação das drogas, aparelhos celulares e mais de R$ 250 em dinheiro.

Ao todo foram apreendidas aproximadamente 240 porções análogas à droga conhecida como skank e mais de 50 trouxas de cocaína. 

Os cinco suspeitos foram levados para DRE, interrogados e autuados por tráfico de drogas e corrupção de menores. Entre os conduzidos está o menor de 16 anos que responderá por ato infracional análogo aos mesmos crimes.

Após a confecção dos autos os presos e o adolescente foram colocados à disposição da Justiça.

Denúncias

Além do disque-denúncia via 197, a Polícia Civil conta com um canal exclusivo via WhatsApp para recebimento de informações referentes ao tráfico de drogas. Pelo telefone (65) 9 9989-0071 qualquer pessoa pode auxiliar as investigações da DRE. O sigilo é absoluto.


Plantão

(65) 99299-4992

Copyright  - A Voz do Estado  - Todos os direitos reservados